Tragédia em família no Acre : Pais da jovem que transmitiu o próprio suicídio ao vivo também se matam

reprodução : Facebook

Essa sexta feira (28) foi marcada por mais uma tragédia envolvendo suicídio em Rio Branco, capital do Acre, no noroeste do Brasil.

Os pais da universitária Bruna Andressa Borges, de 19 anos, estudante do terceiro período do curso de Ciências Sociais da Universidade Federal do Acre (Ufac) que cometeu suicídio e trasmitiu ao vivo pela internet o ato, foram encontrados mortos na sua casa localizada na Vila Militar, bairro Cohab do Bosque .

Na residência os policiais acharam bilhetes e cartas para a família, explicando a decisão de tomar tal medida .  Nos recados, o subtenente do exército Marcio Brito,e a esposa Claudineia Borges também pedem desculpas pelo ato de desespero. Nas redes sociais, Bruna desabafou que ‘O ser humano é a pior arma que o mundo criou’, criticando os seres humanos e comparando-os a armas,  Antes de se enforcar a jovem pediu desculpas a todos os seguidores. O Corpo de Bombeiros atendendo aos apelos dos Internautas ainda tentou chegar à casa da menina, mas o endereço passado pelo serviço de urgência não correspondia ao seu atual.

Bruna e seus pais se mataram enforcados. Antes de cometer o ato, ela publicou diversas mensagens nas redes sociais. O ato teria sido transmitido ao vivo pela rede social Instagram. O corpo de Bruna tinha sido enterrado ontem, na cidade de Capixaba a 80 km da capital Rio Branco.

NR: Não é nossa praxis nem queremos sensacionalismo e audiência noticiando essa tragédia. Queremos é a reflexão profunda das pessoas para o cotidiano de suas vidas, de seus amigos, de suas pessoas queridas. O que queremos do mundo ?

Daí, o que você acha disso ?