Lula exige o dízimo da malta bochevista (via Prof. Hariovaldo)

Partido quer arrecadar mais para despesas com charutos

by Vassaly D’Amyddiah

Muitos dizem que era o que faltava. Outros já acham que não foi sem tempo. A verdade é que desde que o Dardo Canha recebeu mensagens divinas determinando que selasse a paz entre judeus e árabes, entre outras coisitas mas , um que de religiosidade mística operante passou a bater às portas dos rachados políticos do bananal. E o que era para ser uma alegre reunião de camaradas bolivarianos pro castristas deliberando sobre os rumos da política marxista luloleninista da facção petrelhista bananaliense, acabou se revelando uma surpresa sem limites até para o chavista mais renhido e renitente. Para não dizer penitente! . Inaudita e original como jamais se verá outra, insólita talvez, tenho toda a certeza. Em fala algo desconexa, entre um e outro gole de cachaça gimba, biriba oficial petralheira, o Mariscão fez uma pausa, olhou para o branco dos olhos de cada um dos presentes e anunciou a guinada sem par nos rumos do “Fraturado sem Tratores”, facção majoritária do maior partido de esquerda da direita do bananal. “O que é bom para o Maiscedo será bom para nós. Apartir de agora, será criado o dízimo partidário para a composição de um fundo que libere da necessidade da aceitação de contribuições de empreiteiras  que prestam serviço para a Petrolox. Charutos estão muito caros e não temos coragem de gastar nossas minguadas e suadas pazuzas com eles. Só comprando com cartão de crédito.”

Continue Lendo via Prof. Hariovaldo Almeida Prado

Daí, o que você acha disso ?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.