Lei quer que motociclistas e caronas tenham a inscrição da placa da moto no(s) capacete(s)

A Comissão de Viação e Transportes da Câmara aprovou o substitutivo dos dos projetos de lei 5651/09, 1228/11, 1371/11, 1919/11 e 3515/12 que obriga os condutores e passageiros de motos ter  a inscrição das placas das motos nos capacetes. ( Como se os criminosos não soubessem como falsificar uma placa e também a inscrição no capacete.) O deputado Arolde de Oliveira (PSD-RJ), relator do projeto diz que a lei é  “para facilitar a identificação de criminosos que utilizem motos e que o Contran (Conselho Nacional de Trânsito) deverá criar normas para impedir que criminosos fraudem as inscrições no capacete”. O projeto que tramita em caráter conclusivo ainda será analisado pela Comissão de Constituição, Justiça e de Cidadania e pelo Plenário. Ou seja , parece que usar motocicleta é sinônimo de banditismo no Brasil. Já não basta o outro deputado lá de São Paulo ( veja a matéria aqui ) que queria proibir CARONA nas motos nos dias úteis ! Em vez de se coibir a violência ( inclusive do trânsito) com muita educação e repressão séria ao tráfico de armas, por exemplo, cria-se leis esdrúxulas como se o rabo abanasse o cachorro. Daqui uns dias vão proibir o motociclista de montar em sua moto. Ela vai ter que andar sózinha ! E não está longe o dia em que o cidadão vai ter que andar na rua com uma placa pendurada no pescoço. Esses deputados…

Daí, o que você acha disso ?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.