Teleimage lança Concurso de Roteiros para curtas-metragens

Com a intenção de ampliar a qualidade final dos curtas-metragens, o I CurtaTeleimage  abriu inscrições para contemplar dois roteiros, um de ficção e um de documentário, de até 20 minutos. Os dois projetos vencedores serão anunciados no dia 16 de abril de 2012 e receberão como prêmio todo o financiamento de finalização de imagem e som. A Fuji Filmes, parceira do prêmio, fornecerá todo o internegativo para o transfer de imagem dos dois curtas, de ficção e de documentário. As inscrições serão aceitas até o dia 15 de março de 2012 e podem ser feitas no Hot Site do prêmio – www.curtateleimage.com.br, onde estão todas as regras para a inscrição dos projetos de roteiro .

Os roteiros têm que ser originais e não poderão estar em processo de produção e nem serem de filmes já realizados. Os concorrentes não poderão ter dirigido projetos de longa metragem de ficção ou de documentário. As participações estão abertas a qualquer roteirista que preencha essas exigências e queira inscrever seu projeto. Serão aceitos roteiros com o máximo de 20 páginas, seguindo o seguinte formato: fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaçamento entre linhas simples, cabeçalhos, rubricas e diálogos de acordo com o modelo de roteiro disponível no hot site do prêmio.

O júri que escolherá os dois projetos contemplados será formado por José Carlos Ribeiro de Oliveira, Newton Cannito, José Augusto De Blasiis, Selma Nunes e Roberto Vitorino. Os critérios que orientarão o júri serão:  a) Criatividade da proposta apresentada;   b) Coerência do roteiro e da proposta estética em relação ao conceito de curta-metragem de ficção e documentário;

Prêmio

Os autores dos dois roteiros selecionados serão contemplados com o processo de finalização de imagem e som. A finalização de imagem poderá ser em resolução HD ou 2K a partir de película ou de arquivos digitais data, e constará de conformação on line da imagem, correção de cor, elaboração e realização dos créditos iniciais e finais e transfer tape to film com internegativos incluídos. A finalização de som será de edição, foley, pré mixagem, mixagem e print máster em Dolby Digital 5.1

Daí, o que você acha disso ?