Arquivo diários:08/05/2010

PCB : historiador analisa o papel da imprensa brasileira como agente político

Em A democracia impressa: transição do campo jornalístico e do político e a cassação do PCB nas páginas da grande imprensa brasileira (1945-1948), lançamento do selo Cultura Acadêmica, o historiador Heber Ricardo da Silva analisa historicamente como a imprensa brasileira se posicionou com relação à cassação do PCB e de seus mandatos durante o regime democrático inaugurado com a Constituição de 1946. Para tanto, foram pesquisados os jornais paulistas O Estado de S. Paulo, Folha da Manhã e Diário de S. Paulo e os cariocas, Correio da Manhã, O Globo e Jornal do Brasil.

A obra procura entender as relações e o papel da imprensa como agente político num contexto de transição política, marcada pela passagem do regime do Estado Novo para uma nova ordem democrática, e de transição jornalística, momento em que os jornais atenuavam sua posição de veículos de expressão de grupos políticos específicos e caminhavam em direção ao modelo jornalístico empresarial.

Os jornais foram tomados não apenas como fonte de pesquisa, mas também como objeto de estudo, uma vez que são produtores de acontecimentos políticos, pois influenciam a pauta política e são por elas influenciadas. O autor procura caracterizar as concepções democráticas dos jornais analisados e as relações entre eles e os demais agentes políticos, além de entender as relações existentes dentro da própria empresa jornalística.

O livro faz também uma reflexão sobre a ação, interesses e justificativas da imprensa do eixo Rio-São Paulo na defesa da democracia parlamentar representativa diante dos atos que feriram a noção de democracia amplamente defendida pelos periódicos.

Nesse estudo, a imprensa foi entendida como um importante agente, responsável por intervir nos acontecimentos políticos nacionais, já que participa e compartilha projetos e visões de mundo ligadas a determinados grupos políticos. Nesse sentido, acaba interferindo de uma forma ou de outra não só no campo da política, como também no jornalístico.

Os livros da Coleção PROPG-Digital são resultado de pesquisas desenvolvidas pelos Programas de Pós-Graduação da Unesp e estão disponíveis para download gratuito no site: www.culturaacademica.com.br

A frase do fim de semana – 4

“Política é igual BR: todos trafegam à direita, só usam a esquerda para ultrapassar…”

Seu Néca, filósofo das 21:50 às 02:50 (atenção: não confundir com “Soneca”)